terça-feira, maio 30, 2006

Coisas levadas da breca

“eu, que sou nada, então fora um gigante:
porque ele é todo alma e simpatia,
compreende o riso e a dor, o mal e o bem.
mas se ele é do meu nada! tão distante,
em vão eu sonho trazê-lo ao dia,
ser grande... em vão! e... quem és tu?
- ninguém!"

José Régio


No universo prisional é fácil constatar sem qualquer surpresa a forma como são vistos no exterior os presos de delito comum: como escória.
De nada me vale ser hipócrita quanto a isso, e mesmo que vários estudos psicanalíticos sobre criminologia possa deixar transparecer algumas atenuantes para desculpar comportamentos criminosos, na esmagadora maioria dos nossos casos somos culpados e pronto.
No entanto, como em todas as medalhas, há um lado menos visível da questão; saber porque reagimos aos determinados acontecimentos que nos desgraçaram a vida, é um deles. A necessidade de diferenciar as razões poderia ser outro.
É que, num cenário completamente diferente, não estou a ver o nosso homem do jardim, pessoa de uma sensibilidade estonteante, descarregar à queima-roupa um tambor de calibre proibido em três dos seus vizinhos.
Quem possuirá o monopólio da verdade absoluta?

18 Comments:

Anonymous Anónimo said...

No universo prisional, 98% da população reclusa são uns tristes, mais vitimas que verdugos, na sua grandíssima maiora( os tais 98..) rebentos directos de um sistema que ele mesmo está prisioneiro.Talvez seja por isso que os " filhos da cana"- aquelesd que começam nos internatos e voltam à " Casa" deppis de oito meses em " liberdade" têm tratamento " caseiro" pelos chefes e guardas em geral( eles próprios também oriundos do mesmo sector, mas só com capa administrativa).Com um computador, e ligação ao mundo, veremos até onde podes ir.Nas cadeias do antes , quando começaram a chamar-se " Estabelecimentos Prisionais" ter acesso a uma máquina de escrever era um " perigo"!( falo-te dos anos 82..).Aliás, raras as excepções, também muitos poucos sabiam alinhar duas palavrinhas escritas, e os que sabiam, ou " comiam do sistema interno" ou eram " abafados" pela Administração Prisional.Romper muros, integrar, veremos em que isto vai dar.

1:06 da tarde  
Anonymous Ademar Santos said...

Felicitações pelo blogue e pela coragem.
Acompanhá-lo-ei.

1:18 da tarde  
Blogger Cãocompulgas said...

Existirá uma verdade? ou, pura e simplesmente, uma realidade com várias verdades? Importante será apenas perceber qual é a verdade maior...

Cumprimentos,

2:26 da tarde  
Blogger xatoo said...

monopólio da Verdade?
os gajos da Feira do Livro, aí do outro lado da rua,,,
são muitos e cada um deles tem várias, conforme as horas, e consoante estão bem ou mal-fodidos

6:28 da tarde  
Blogger maloud said...

Do meu ponto de vista, essa visão dos presos como escória tem vindo a ser alterada. Vários factores contribuíram para essa pequena viragem. O facto de termos visto gente "importante" na cadeia, e quase todos nós conhecermos alguém que tem um familiar detido, muitas vezes por comportamentos motivados por consumo de drogas.

7:50 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Parabéns! Gosto de me juntar aqueles com quem sinto que vou aprender algo e crescer! Passarei a visitar-te

11:10 da tarde  
Blogger filinto said...

pelo menos que o blog sirva para os que estão aqui, inocentes ou culpados, façam tudo para não ir para aí. mas tem sido mais do que isso, bastante mais. sei que não pode comentar, mas espero, zé, que não seja um fake.

4:17 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Great site lots of usefull infomation here.
»

4:19 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»

9:53 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

This site is one of the best I have ever seen, wish I had one like this.
»

3:45 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

I find some information here.

1:14 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Here are some links that I believe will be interested

11:44 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Really amazing! Useful information. All the best.
»

4:35 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Greets to the webmaster of this wonderful site! Keep up the good work. Thanks.
»

11:44 da tarde  
Anonymous lyra said...

acredito, o tempo tem-me feito acreditar, que todos somos capazes de tudo. Em situações limite somos capazes de tudo. A questão é, qual o limite de cada um.

1:21 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Keep up the good work Side effects of 300mg of wellbutrin http://www.clomid-iui-and-twins.info/Car-dvd-cd-receiver-back.html

5:43 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Excellent, love it! » » »

1:11 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Sim, provavelmente por isso e

8:22 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home